Responsabilidade Social

Influência do jejum pré-abate de frangos de corte na perda de peso e contaminação por salmonella spp. e a eficácia do banho das carcaças com ácido orgânico na redução de micro-organismos indicadores de contaminação

Desenvolvimento Econômico

Unidade: Umuarama

Titulação: Doutorado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0005050200 – Medicina Veterinária Preventiva

Núcleo de Pesquisa: Ciências Biológicas, Agrárias e Tecnológicas

Linha de Pesquisa: Educação e Saúde Única

Professora: Luciana Kazue Otutumi Farias 

Resumo: O jejum pré-abate é uma importante ferramenta do manejo que pode auxiliar na preservação da saúde pública por meio da redução de contaminações por bactérias, como a Salmonella spp. Dessa forma, este trabalho tem por objetivo avaliar o efeito do tempo de jejum pré-abate sobre a perda de peso dos animais e a influência do jejum pré-abate na contaminação por Salmonella spp. do papo e como consequência das carcaças (no momento da evisceração, antes da toalete final, após a toalete final e após a saída das carcaças do chiller). Além disso, avaliar a eficácia do ácido orgânico (peracético) como sanitizante será avaliado por meio da avaliação da contaminação da carcaça por micro-organismos indicadores e por Salmonella spp. em dois pontos (antes da toalete final e após a toalete final).

Serão avaliados oito aviários de uma integração localizada na região oeste do estado do Paraná. De cada aviário serão avaliados 40 animais, totalizando 320 animais. Para avaliação da perda de peso, os 40 animais de cada aviário serão pesados antes do início do jejum e após o período de jejum quando os mesmos já estiverem no abatedouro. No momento do abate, 40 animais selecionados aleatoriamente serão avaliados em relação à contaminação por Salmonella spp. no papo (1), no momento da evisceração (2), antes da toalete final (3), após a toalete final (4) e após a saída das carcaças do chiller (5).

Em cada ponto, cada 10 animais comporão uma amostra, os quais serão colhidos por meio de swab. A eficácia do ácido orgânico peracético será avaliada nos pontos (3) e (4), ou seja, antes e após o banho com ácido orgânico, por meio da avaliação da contagem de coliformes à 45ºC, mesófilos totais e mesófilos psicrotróficos. As análises serão feitas no Laboratório de Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Pública do Programa de Pós-graduação em Ciência Animal com Ênfase em Produtos Bioativos, utilizando-se do método microbiológico tradicional.

Influência do jejum pré-abate de frangos de corte na perda de peso e contaminação por salmonella spp. e a eficácia do banho das carcaças com ácido orgânico na redução de micro-organismos indicadores de contaminação