Responsabilidade Social

Perfil do ensino de métodos quantitativos nos cursos de ciências contábeis da UNIPAR

Desenvolvimento Econômico

Unidade: Francisco Beltrão

Titulação: Mestrado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0007080502 – Currículos Específ. Níveis e Tipos de Educação

Núcleo de Pesquisa: Ciências Humanas e Sociais Aplicadas

Linha de Pesquisa: Sociedade, Educação e Desenvolvimento

Professor: Lucas Gomes de Oliveira

Resumo: Este projeto se propõe a identificar as metodologias de ensino utilizadas pelos professores de Métodos Quantitativos que lecionam nos cursos de Ciências Contábeis da Unipar. Entre as metodologias de ensino mais utilizadas historicamente no Brasil apresentam-se as tendências tradicionalista, tecnicista e construtivista. Na tendência tradicionalista o foco está no professor como detentor do saber, nessa tendência o aluno assume uma postura passiva, apenas repetindo o que é ensinado, não existe contextualização dos conceitos ensinados. Na tecnicista o foco está nas técnicas de ensino, a função do aluno é memorizar os procedimentos.

Na tendência construtivista o foco é voltado para o aluno e nas suas relações com o professor, o ambiente e o saber. Através da análise do referencial teórico percebe-se que, em âmbito nacional, as Diretrizes Curriculares Nacionais e, em âmbito internacional, o Plano de Estudos Mundial para a Formação de Contadores Profissionais elaborado pela Organização das Nações Unidas apontam para a tendência construtivista com ênfase na interdisciplinaridade. A pesquisa busca a análise descritiva dos dados que serão obtidos por questionários que serão tabulados através de métodos Estatísticos. Com isso pretende-se observar se os professores que utilizam o método interdisciplinar se destacam na formação acadêmica, na diversificação de abordagens de ensino e no uso de recursos didáticos.

Perfil do ensino de métodos quantitativos nos cursos de ciências contábeis da UNIPAR