Responsabilidade Social

Núcleo homeopático no controle da mastite bovina

Inovação Tecnológica

Unidade: Umuarama

Titulação: Doutorado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0005050200 – Medicina Veterinária Preventiva

Núcleo de Pesquisa: Ciências Biológicas, Agrárias e Tecnológicas

Linha de Pesquisa: Medicina Veterinária Preventiva

Professor: Ranulfo Piau Junior

Resumo: A mastite bovina, uma das principais doenças do rebanho leiteiro, caracteriza-se por um processo inflamatório no tecido glandular mamário. Causa grandes prejuízos na produção leiteira do Brasil e no mundo, sendo um dos principais problemas da bovinocultura leiteira. O grande impacto econômico deve ser ressaltado, principalmente, pelas perdas decorrentes de baixa produção de leite, alto custo com tratamento, perda de tetos, honorários veterinários, alteração na composição do leite, reposição prematura dos animais por baixa produção, ou mesmo morte do animal.

Dentre todas as doenças  que acometem o rebanho leiteiro e comprometem a qualidade do leite, é a mastite que ocupa lugar de destaque por possuir importância econômica e para a saúde pública. A antibioticoterapia é o procedimento mais utilizado no tratamento da mastite bovina, porém a crescente preocupação com a presença de resíduos de antibióticos no leite e o aparecimento de estirpes bacterianas resistentes têm estimulado a busca por meios alternativos que reduzam ou eliminem tais problemas. O uso de aditivos alternativos que proporcionem melhora na saúde do animal e na qualidade do leite, sem deixar resíduos, vem ganhando espaço no mercado atual. Umas das alternativas ao tratamento da mastite bovina tem sido a utilização da homeopatia.

Este experimento tem como objetivo avaliar a eficácia da um núcleo homeopático no controle da mastite bovina serão utilizadas 24 vacas lactantes, os quais serão divididos em dois grupos com 12 animais cada grupo, visando diminuir o índice de mastite e melhorar a qualidade do leite dos animais tratados com núcleo homeopático.

Núcleo homeopático no controle da mastite bovina