Responsabilidade Social

Avaliação de mutações de genes envolvidos com a obesidade em pacientes da Clínica de Nutrição da Unipar de Umuarama

Melhoria das Condições de Vida da População e Ações de Inclusão

Unidade: Umuarama

Titulação: Doutorado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0002020500 – Genética Humana e Médica

Núcleo de Pesquisa: Ciências da Saúde e Desenvolvimento Humano

Linha de Pesquisa: Prevenção e promoção de saúde

Professores: Luciano Seraphim Gasques - Maria Elena Martins Diegues - Ricardo Marcelo Abrão

Resumo: A obesidade tem avançando globalmente nestas últimas décadas. Embora a obesidade por si só não cause grandes transtornos ao organismo, ela está na maioria das vezes associada a um processo degenerativo, que pode desencadear comorbidades crônicas importantes, como por exemplo, as doenças cardíacas, acidente vascular cerebral, câncer, doenças respiratórias e diabetes. Alguns estudos têm indicado uma forte ligação entre a obesidade e os fatores genéticos. Até 2014 haviam sido identificados pelo menos 54 loci associados ao risco de obesidade em diferentes populações.

Entre os principais mecanismos de geração genética da obesidade, se encontra o associado ao controle da fome. Neste mecanismo, encontram-se os genes relacionados ao hipotálamo: os genes da leptina, de seus receptores, os genes dos receptores da melacortina (MC4R) e o gene FTO (Fat Mass and Obesity associed). O objetivo do presente projeto é avaliar a presença de mutações específicas do gene FTO associadas ao desenvolvimento de obesidade em pacientes obesos atendidos na Clínica de Nutrição da Unipar.

Avaliação de mutações de genes envolvidos com a obesidade em pacientes da Clínica de Nutrição da Unipar de Umuarama