Responsabilidade Social

Correlação entre a dor lombar com o estado funcional, percepção geral de saúde e o bem-estar mental de moradores do município de Toledo-PR

Melhoria das Condições de Vida da População e Ações de Inclusão

Unidade: Toledo

Titulação: Doutorado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0004000000 – Ciências da Saúde

Núcleo de Pesquisa: Ciências da Saúde e Desenvolvimento Humano

Linha de Pesquisa: Intervenção e reabilitação em saúde

Professor: Jefferson J. Amaral dos Santos

Resumo: A dor lombar pode ser definida como dor que se localiza próximo a margem das últimas costelas e acima das linhas glúteas inferiores com ou sem a presença de dor nos membros inferiores. Estima-se que 70 a 80% da população possuem dor lombar ou terão em algum momento no decorrer da vida. A lombalgia tem como principal sintoma a dor, seguida de uma diminuição da amplitude de movimento, espasmos musculares, com consequentes alterações da postura e força muscular  diminuída, que acabam desencadeando limitações ou incapacidades funcionais para a execução das atividades de vida diária, além de restringir a participação do indivíduo na sociedade e reduzir a qualidade de vida. Trata-se de um estudo descritivo transversal com o objetivo avaliar a correlação entre a dor lombar e parâmetros clínicos e funcionais relacionados a ela.

Correlação entre a dor lombar com o estado funcional, percepção geral de saúde e o bem-estar mental de moradores do município de Toledo-PR