Responsabilidade Social

Efeitos do uso do extrato comercial de Citrus aurantium sobre os distúrbios da obesidade em roedores obesos induzidos por dieta de cafeteria

Melhoria das Condições de Vida da População e Ações de Inclusão

Unidade: Umuarama

Titulação: Doutorado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0004050000 - Nutrição

Núcleo de Pesquisa: Ciências Biológicas, Agrárias e Tecnológicas

Linha de Pesquisa: Desenvolvimento e aplicações de produtos

Professor: Ricardo de Melo Germano

Resumo: A obesidade resulta de uma ingestão calórica superior ao gasto energético aumentando o risco de desenvolver diabetes não insulino-dependente e doenças cardiovasculares. O comportamento alimentar é influenciado por fatores culturais, emocionais e preferências alimentares. Atualmente, há um aumento no interesse por novas formas de tratamento para a redução peso. O Citrus aurantium, pertencente à família das Rutáceas, é largamente utilizado para redução de peso por possuir sinefrina, o composto responsável por essa ação. O objetivo de projeto é avaliar os efeitos do extrato de Citrus aurantium na redução de peso de ratos machos induzidos à obesidade por dieta hipercalórica/ cafeteria. O experimento será dividido em indução da obesidade, nos primeiros 45 dias, seguido pelo tratamento com formulação contendo extrato do Citrus aurantium por 20 dias.

Os animais serão divididos em quatro grupos experimentais: Grupo I: os ratos receberão ração comercial padrão e água ad libitum e receberem solução salina 0,9% via gavagem; Grupo II: os animais receberão ração comercial padrão e água ad libitum, além de solução de Citrus aurantium na dose de 600mg/kg de peso corporal diariamente, via gavagem; Grupo III: os animais receberão ração hipercalórica e água ad libitum, serão administradas doses diárias de solução salina a 0.9% via gavagem; Grupo IV: os animais receberão ração hipercalórica e água ad libitum, além de solução de Citrus aurantium na dose de 600mg/kg de peso corporal diariamente, via gavagem. Ao final de 65 dias de experimento os ratos serão eutanaziados com anestesia inalatória profunda. Serão avaliados os níveis séricos de aspartato aminotransferase, alanina aminotransferase, glicemia, colesterol total e frações e trigliciderídeos e avaliação qualitativa do fígado. Espera-se que o Citrus aurantium na concentração de 600mg/kg de peso corporal, promova a redução de peso de ratos machos (Wistar) obesos, induzidos por dieta hipercalórica/cafeteria.

Efeitos do uso do extrato comercial de Citrus aurantium sobre os distúrbios da obesidade em roedores obesos induzidos por dieta de cafeteria