Responsabilidade Social

Bioética e cinema: dilemas morais que envolvem saúde e Direito na Cinematografia

Responsabilidade Social

Unidade: Umuarama

Titulação: Doutorado - Atividade: Pesquisa Institucional

Cod. CNPQ: 0006010400 – Direitos Especiais

Núcleo de Pesquisa: Ciências Humanas, Sociais e Aplicadas

Linha de Pesquisa: Jurisdição Constitucional e Direitos Fundamentais

Professora: Tereza Rodrigues Vieira

Resumo: O cinema é considerado um prodigioso recurso pedagógico para a bioética, pois possibilita a análise interdisciplinar e exercício da alteridade, imprescindíveis para a tomada de decisão. Pode também ser utilizado como estratégia para se opinar acerca de um fato/ato não vivenciado pessoalmente, mas que pode ser vivido virtualmente, mesmo que apenas por duas ou três horas.

Filmes bem elaborados que retratam o multiculturalismo, a vida, a morte e a qualidade de vida, provocam reações e emoções capazes de suscitar reflexões e ponderações éticas importantes. Encontrar a melhor maneira de agir diante de uma questão bioética não é fácil, mas o cinema contribui para a visualização do problema no campo fictício. Usar apenas as leis ou normas positivadas nem sempre resolve o dilema. Destarte, o objetivo do presente projeto é apresentar, por meio do cinema, temas bioéticos com consequências jurídicas ainda não harmonizadas na sociedade e provocar profundas reflexões acerca de dilemas morais e possíveis caminhos.

Bioética e cinema: dilemas morais que envolvem saúde e Direito na Cinematografia